Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2011

Meeting de Rimini regista 800 mil visitantes

“A natureza do homem e a relação com o infinito”: tema da edição de 2012RIMINI, terça-feira, 30 de agosto de 2011 (ZENIT.org) – Foram 113 encontros, 321 expoentes, 10 exposições, 26 espetáculos, graças à contribuição de quase 4 mil voluntários (140 dos quais são estrangeiros). O resultado: quase 800 mil visitantes, de 38 nacionalidades. Estes são os números da última edição do Meeting da Amizade entre os Povos, encerrado no último sábado em Rimini, sobre o tema “E a existência se torna uma enorme certeza”. O Meeting foi inaugurado com a mensagem do Papa Bento XVI aos participantes, na qual recorda que “o homem não pode viver sem uma certeza sobre seu próprio destino”. Na inauguração do evento, o presidente da República Italiana, Giorgio Napolitano, sublinhou a necessidade de incentivar os jovens a “falar a linguagem da verdade”, também em tempos de crise. “Vocês carregam, no tempo da incerteza, seu anseio de certeza – exortou o chefe de Estado. Por tudo isso, representam um recurso human…

Impostos e criação de riqueza

Público 2011-08-29 João Carlos Espada O melhor contributo dos "ricos" para o bem comum não reside em aumentarem os seus impostos
Depois de Warren Buffet, foi a vez de Liliane Bettencourt apelar a impostos mais elevados sobre os super-ricos, isto é, sobre si própria. A generosidade dos super-ricos surpreendeu num primeiro momento os partidários da luta de classes. Em seguida, lançaram-se numa nova campanha para aumentar os impostos.

Com o devido respeito pela decisão de cada um sobre o que fazer com o que lhe pertence, devo discordar do clima geral da discussão. Não são os impostos a fonte primordial de melhoria da condição de vida do maior número. A riqueza da Europa e do Ocidente - que ainda hoje merece admiração no resto do mundo - não foi produto da redistribuição da riqueza dos ricos para os pobres através dos impostos. Foi produto da criação de riqueza num ambiente de liberdade económica, em regra associada a impostos baixos, justiça célere, e, sobretudo, à ausência de bar…

Igualdade de género ou falsa identidade

Gonçalo Portocarrero de Almada Público 2011-08-29 Se se permite, tão facilmente e totalmente grátis, a mudança de género, por que não também a de espécie?
Quem viveu conscientemente o 25 de Abril, talvez ainda conserve, entre outras recordações, a lembrança de uma canção revolucionária em que, a páginas tantas, se badalava: "Uma gaivota, voava, voava, asas de vento, coração de mar. Como ela, somos livres, somos livres de voar".

Como nunca mais ouvi aquela melodiosa voz, temi que, embalada por um tão sugestivo texto, a dita cançonetista tivesse mesmo voado para parte incerta. Ou que, tendo desafiado as leis da gravidade, a experiência lhe tivesse sido fatal. Felizmente nenhuma destas aziagas hipóteses se confirmou, pelo que é de supor que ainda esteja disponível para ser de novo a voz do PREC, ou seja, do processo revolucionário em curso. A sua histórica balada é, com efeito, um magnífico hino à nova e subversiva política da identidade de género em que o anterior Governo, à fa…

As forças inimputáveis

DN 2011-08-29 JOÃO CÉSAR DAS NEVES
Uma peculiaridade do nosso panorama político é o peso da extrema-esquerda. Ele não vem dos votos, pois no eleitorado essa área é residual. Os 14% acumulados das últimas eleições, dada a abstenção de 42%, devem representar cerca de 10% do total, nível estável há 20 anos. O fundamento do seu poder é mediático, pela sedução e captura dos jornalistas. A extrema-esquerda é a coqueluche da imprensa, sobretudo em tempo de crise. Pode-se sempre contar com ela para declarações bombásticas, chocarreiras, insultuosas até, exactamente as que dão boas manchetes. Este facto, se lhe dá enorme influência, cria evidentes problemas conceptuais. A esquerda, ao contrário da direita, sempre procurou legitimidade intelectual e ética em modelos ideológicos. Ela luta de forma científica pela sociedade ideal, projecto que se perde se ficar como mero provocador de serviço. Nos próximos meses o seu coro de críticas aos sacrifícios nacionais terá sucesso garantido. Mas isso só porq…

29 de Agosto - Martírio de S. João Baptista

Imagem
Decapitação de S. João Baptista Amico Aspertini (s/data) Óleo sobre madeira 20.7 cm, 29 cm Fitzwilliam Museum Cambridge Reino Unido

Nestes dias em que Deus parecia existir

Bento XVI é um homem de ideias, um intelectual, alguém cujo espaço natural é a biblioteca, a sala de aulas da universidade, o auditório das conferências. A sua timidez diante das multidões aflora de modo invencível nessa maneira quase envergonhada e quase a pedir desculpa por ter de se dirigir às massas.
Mas essa fragilidade é enganosa pois trata-se provavelmente do Papa mais culto e inteligente que a Igreja tem há muito tempo, um dos raros pontífices cujas encíclicas ou livros um agnóstico como eu pode ler sem bocejar (a sua breve autobiografia é fascinante, e os dois volumes sobre Jesus são mais que sugestivos). * * * A verdade é que, ainda que perca fiéis e encolha, o catolicismo está hoje em dia mais unido, activo e aguerrido do que nos anos em que parecia a ponto de desgarrar-se e dividir-se pelas lutas ideológicas internas.
Isto é bom ou mau para a cultura da liberdade?
Enquanto o Estado for laico e mantiver a sua independência face a todas as igrejas, que deve, claro está, respeitar…

Pensamento do dia

Não vos acomodeis a este mundo. Pelo contrário deixai-vos transformar, adquirindo uma nova mentalidade, para poderdes discernir qual é a vontade de Deus: o que é bom, o que lhe é agradável, o que é perfeito. Rm 12,2

27 de Agosto - Santa Mónica

Imagem
Cenas da vida de Santo Agostinho. O Santo levado à escola por Santa Mónica 1415 Pietro di Niccolo Têmpera Pinacoteca Vaticana

Os católicos e a política

Henrique Raposo (www.expresso.pt) 8:00 Sexta feira, 26 de agosto de 2011 Há sempre um ponto que me desgosta em muitos amigas e amigos católicos: é a distância em relação ao debate público e político, é o nojo fácil pela política. Isso é visível, por exemplo, no Facebook. Ali podemos ver milhentas pessoas a assumir com orgulho a identidade católica e, ao mesmo tempo, a desprezar a identidade política. Na secção "religious views", surge triunfante a palavra "católica". Na secção "political views", surge um pobre e fácil "não uso disso" ou um "são todos iguais", etc. Na revista Communio (Setembro 1988), o omnipresente Francisco Lucas Pires escreveu um artigo que é, para mim, a melhor resposta a esta pobreza apolítica de um certo catolicismo. Nesta prosa, intitulada "Pureza de Coração e Vida Política", Lucas Pires afirma que existem duas maneiras de um cristão lidar com a esfera política. A primeira passa por aceitar que os princí…

Bento XVI em Madrid - Uma edição especial da Agência Ecclesia

Steve Jobs no "commencement" de Stanford em 2005

Imagem
No dia em que Steve Jobs abandona a direcção executiva da Apple, vale a pena recordar o seu discurso na festa de graduação de Stanford em 2005.
Não é vulgar ouvir um executivo falar de sentido da vida, do efeito pedagógico da consciência da morte e da aprendizagem com o fracasso com histórias da própria vida.


25 de Agosto - S. Luís, rei de França

Imagem
A Virgem e o Menino adorados por S. Luís, rei de França Claudio Coello (1665-68) Óleo sobre tela 229 x 249 cm Museo del Prado, Madrid

24 de Agosto - S. Bartolomeu

Imagem
O Martírio de S. Bartolomeu Bernardo Cavallino (1635) Óleo sobre tela (205 x 158 cm) Museo di Capodimonte Nápoles
____________________________________________________________ Papa Bento XVI
Audiência geral de 04/10/2006 (© Libreria Editrice Vaticana; rev) Natanael-Bartolomeu reconhece o Messias, Filho de Deus O evangelista João refere-nos que, quando Jesus vê Natanael aproximar-se, exclama: «Aí vem um verdadeiro Israelita, em quem não há fingimento» (Jo 1, 47). Trata-se de um elogio que recorda o texto de um Salmo: «Feliz o homem a quem o Senhor não acusa de iniquidade e em cujo espírito não há engano» (Sl 32, 2), mas que suscita a curiosidade de Natanael, o qual responde com admiração: «Donde me conheces?» (Jo 1, 48a). A resposta de Jesus não é imediatamente compreensível. Ele diz: «Antes de Filipe te chamar, Eu vi-te quando estavas debaixo da figueira!» (Jo 1, 48b). Não sabemos o que aconteceu debaixo desta figueira. É evidente que se trata de um momento decisivo na vida de Natanael. Ele sen…

Trabalho versus emprego

João Santos, Publicado i-online 23 de Agosto de 2011    Há desemprego ou gente que não quer trabalhar? Os estrangeiros foram-se embora, mas muitos portugueses acham-se superiores aos trabalhos que deixaram vagos O desemprego está também ligado a expectativas erradas António Pedro Santos Situação 1: Viajo de táxi a caminho do aeroporto. O taxista conta-me, a páginas tantas, que a mulher tem uma pequena loja de limpeza a seco e se vê grega para arranjar quem lá queira trabalhar. Por mais que faça, quem responde aos anúncios raramente aceita experimentar o trabalho e de quem ousa fazê-lo não chega a rezar a história. Nos dias que correm, já é mau alguém ver-se grego. Imagine-se grego e sem mão-de--obra...

Situação 2: Vejo uma reportagem na televisão. Queixa-se uma empresária do ramo têxtil que não encontra quem queira operar as máquinas de costura, que por isso estão paradas. Precisa de seis operadoras e... nada. O centro de emprego local até colabora - seleccionou para entrevista 17 candi…

O poder de Jon Stewart

DN 2011-08-22 JOÃO CÉSAR DAS NEVES Os nossos antepassados ensinavam que "não se brinca com coisas sérias". Esta sentença, crescentemente criticada nas últimas gerações, tem violação evidente na extraordinária carreira de Jon Stewart. Aos 48 anos, ele é uma das personalidades mais poderosas da poderosa indústria mediática americana. Quatro vezes por semana (de segunda a quinta), às 11 da noite (hora oriental) e durante 22 minutos, o Daily Show with Jon Stewart da Comedy Central é desde 11 de Janeiro de 1999 um dos grandes êxitos televisivos. Visto em directo no cabo por quase 1,6 milhões de pessoas, depois retransmitido em vários canais (em Portugal, na SIC Notícias) e na Internet, já ganhou 14 Emmys, entre outros prémios. Quem é Jon Stewart? Não é um jornalista, porque o seu propósito declarado é fazer rir num programa de comédia sobre a actualidade do momento, genialmente concebido e executado. Mas ele também não é um comediante, tratando de assuntos sérios e candentes com opi…

As melhores imagens da Jornada Mundial da Juventude Madrid 2011

Imagem

O que é o Meeting?

Imagem

Papa Bento XVI agradece aos voluntários

Imagem

Meeting de Rimini - Começa hoje

Imagem

Homilia do Papa Bento XVI na Santa Missa para a XXVI Jornada Mundial da Juventude

SANTA MISSA PARA A XXVI JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE HOMILIA DO PAPA BENTO XVI

Base Aérea de Quatro Ventos, Madrid
Domingo, 21 de Agosto de 2011
Queridos jovens,
Com a celebração da Eucaristia, chegamos ao momento culminante desta Jornada Mundial da Juventude. Ao ver-vos aqui, vindos em grande número de todas as partes, o meu coração enche-se de alegria, pensando no afecto especial com que Jesus vos olha. Sim, o Senhor vos quer bem e vos chama seus amigos (cf. Jo 15, 15). Ele vem ter convosco e deseja acompanhar-vos no vosso caminho, para vos abrir as portas duma vida plena e tornar-vos participantes da sua relação íntima com o Pai. Pela nossa parte, conscientes da grandeza do seu amor, desejamos corresponder, com toda a generosidade, a esta manifestação de predilecção com o propósito de partilhar também com os demais a alegria que recebemos. Na actualidade, são certamente muitos os que se sentem atraídos pela figura de Cristo e desejam conhecê-Lo melhor. Pressentem que Ele é a respos…

Vigília de oração com os jovens - Homilia do Papa Bento XVI

VIGÍLIA DE ORAÇÃO COM OS JOVENS HOMILIA DO PAPA BENTO XVI

Aeroporto Cuatro Vientos de Madrid
Sábado, 20 de Agosto de 2011
Queridos amigos!
Saúdo-vos a todos, e de modo particular aos jovens que me formularam as perguntas, agradecendo-lhes a sinceridade com que expuseram as suas inquietações, que exprimem de certo modo o anseio de todos vós por alcançar algo de grande na vida, algo que vos dê plenitude e felicidade.
Mas, como pode um jovem ser fiel à fé cristã e continuar a aspirar a grandes ideais na sociedade actual? No evangelho que escutámos, Jesus dá-nos uma resposta a esta importante questão: «Assim como o Pai Me tem amor, assim Eu vos amo a vós. Permanecei no meu amor» (Jo 15, 9).
Sim, queridos amigos, Deus ama-nos. Esta é a grande verdade da nossa vida e que dá sentido a tudo o mais. Não somos fruto do acaso nem da irracionalidade, mas, na origem da nossa existência, há um projecto de amor de Deus. Assim permanecer no seu amor significa viver radicados na fé, porque esta não é …

"A vossa força é maior que a chuva"

Imagem

Adoração do Santíssimo em Quatro Vientos

Imagem
Santíssimo exposto na custódia de Arfe da Catedral de Toledo

Tempestade em Quatro Vientos III

Imagem
O Papa enfrentou uma tempestade em Madrid. A banda sonora podia ser o Allegro con Fuoco da Sinfonia de Dvorak que Dudamel ofereceu ao Papa como prenda de anos em 2007:

Tempestade em Quatro Vientos II

Imagem

A chuva interrompe o discuros do Papa

Imagem

Tempestade em Quatro Vientos I

Imagem

Preparando a chegada do Papa a Quatro Vientos

Imagem

Santa Missa com os seminaristas na Catedral de Santa Maria la Real de la Almudena de Madrid

SANTA MISSA COM OS SEMINARISTAS HOMILIA DO PAPA BENTO XVI

Catedral de Santa Maria la Real de la Almudena di Madrid
Sábado, 20 de Agosto de 2011
Senhor Cardeal Arcebispo de Madrid,
Queridos Irmãos no Episcopado,
Queridos sacerdotes e religiosos,
Queridos reitores e formadores,
Queridos seminaristas,
Meus amigos!
Sinto uma profunda alegria ao celebrar a Santa Missa para todos vós, que aspirais a ser sacerdotes de Cristo para o serviço da Igreja e dos homens, e agradeço as amáveis palavras de saudação com que me acolhestes. Hoje esta Catedral de Santa Maria a Real da Almudena lembra um imenso cenáculo onde o Senhor desejou ardentemente celebrar a Sua Pascoa com todos vós que um dia desejais presidir em seu nome os mistérios da salvação. Vendo-vos, comprovo de novo como Cristo continua chamando jovens discípulos para fazer deles seus apóstolos, permanecendo assim viva a missão da Igreja e a oferta do evangelho ao mundo. Como seminaristas, estais a caminho para uma meta santa: ser continua…

20 de Agosto - S. Bernardo de Claraval

Imagem

Catedral de Santa Maria La Real de Almudena

Imagem

Paseo de Chile (Parque del Retiro)

Imagem

Procissão solene desfila pelas ruas de Madrid

Imagem
RR on-line 20-08-2011 01:01


Em contraste com os protestos contra a visita do Papa e confrontos com a polícia dos últimos dias, a praça da Porta do Sol encheu-se esta noite de católicos vindos de todo o mundo.
Uma procissão solene percorreu esta noite as ruas de Madrid, incluído a emblemática praça da Porta do Sol, uma iniciativa no âmbito da Jornada Mundial da Juventude (JMJ).
Já depois do final da Via Sacra desta sexta-feira, presidida pelo Papa Bento XVI, organizou-se uma procissão com os andores a serem acompanhados por bandas de música como na Semana Santa.
Em contraste com os protestos contra a visita do Papa e confrontos com a polícia dos últimos dias, a praça da Porta do Sol encheu-se esta noite de peregrinos e fiéis católicos.
Uma oportunidade única, à margem da Jornada Mundial da Juventude, para milhares de jovens conhecerem a riqueza da Semana Santa espanhola, com esta procissão de Semana Santa verdadeiramente estival.
N…

Procissão na noite de Madrid

Imagem