Feliz Saudade

POVO 01.06.17

'Ah, não há saudade mais dolorosa do que das coisas que nunca foram'


Fernando Pessoa

Na semana que separa a Ascensão do Senhor do Pentecostes, quis voltar àquela saudade paradoxal da comunhão que ainda se vai fazer. Neste post de 2014, dizia-se que "um inglês diz que lhe falta algo (miss dad) enquanto um português diz que tem saudades; ou seja, a ausência transforma-se em aquisição, uma pessoa passa a ter algo que não tinha antes." Ou, talvez, reconheça um valor que lhe falta. Sem esta falta, sem esta saudade, sem uma solidão que é nossa por natureza, não O procuraríamos. Feliz Saudade! Feliz Saudade a dos apóstolos que ao ver Jesus ascender, sentem-se sozinhos, desamparados, incapazes, porque com Ele, tudo parecia melhor. Mas só desamparados podem esperar ansiosamente, e receber sofregamente o Seu Espírito. Possamos nós comungar assim sempre, sôfregos pela sua falta, ansiosos pela sua Presença, expectastes pela vinda do Seu Espírito. 



Para entrar mais dentro do mistério do sacramento da Eucarístia, a Igreja da Encarnação ao Chiado propõe HOJE 5ª feira às 21:30 este encontro.


POSTS DESTA SEMANA

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Sou mãe de um forcado. E agora?

Suécia persegue parteiras que se negam a praticar abortos

Gomes-Pedro: “A mãe não precisa de descansar e dormir, precisa é de namorar com o seu bebé”